top of page
Buscar
  • Foto do escritorComunicação BH-TEC

Congresso internacional de ciência, biodiversidade e sustentabilidade vem aí - com a presença do CIS



A UFMG será palco, entre domingo (4) e quarta-feira (7), do Congresso Internacional de Ciência, Biodiversidade e Sustentabilidade (SciBioSus)! É a segunda edição do evento: a primeira foi realizada em 2018. Desta vez, motivado pela COP27, mais amplo, moderno, abrangente e com a presença do BH-TEC.


A Head de Sustentabilidade do Parque, Camila Viana, e a coordenadora do CTNano (Centro de Tecnologia em Nanomateriais), Glaura Goulart, estão entre as palestrantes do evento. Além disso, o Centro de Inteligência em Sustentabilidade do BH-TEC, o CIS, e o CTNano estarão presentes em um estande entre segunda e quarta.


"Os dias de 'comemoração' do meio ambiente trazem a oportunidade de reflexão sobre um assunto que é muito complexo e importante mundialmente. Então, devemos usar essa data para discutir e procurar saber mais sobre a sustentabilidade", afirma Camila Viana, ao reforçar que o congresso será realizado na semana em que se comemora o Dia Mundial do Meio Ambiente.


"O BH-TEC tem a sustentabilidade como uma frente estratégica. Participamos desse tipo de evento para saber o que a comunidade acadêmica está discutindo, quais são as 'dores' que podemos auxiliar dentro do movimento da inovação, estar inteirados com as conexões de negócios e parcerias, e, junto com a academia, saber como podemos suportar ações e promover atividades que vão em encontro das necessidades e demandas que estão sendo estudadas", complementa a gestora.


O CTNano também tem, na própria raiz, o compromisso com a biodiversidade e sustentabilidade.


"Procuramos desenvolver nossos processos de produção com um impacto ambiental controlado, com critérios e condições. Assim, pensamos que podemos contribuir para parceiros das indústrias de materiais e dispositivos os produtos e processos sustentáveis que trabalhamos", afirma Glaura Goulart.


Negócios com consciência


O BH-TEC é um ecossistema que envolve ciência, pesquisa, inovação, academia e também, principalmente, negócios - sempre com um futuro à vista.


"A gente também enriquece a discussão trazendo uma visão de mercado, mas que também está próxima da sociedade e da realidade da sustentabilidade fora dos espaços de discussão tradicionais", reforça Camila Viana.


"O Congresso tem uma força de trazer nomes importantes e discussões gabaritadas dentro da área de sustentabilidade na pesquisa. E, além disso, também teremos um espaço dedicado ao viés de negócios na interface mercado-academia, onde o BH-TEC estará com seu estande para apresentar o que está sendo realizado em ações de sustentabilidade com o CIS no Parque", afirma a Head de Sustentabilidade do Parque.


"Este evento é uma oportunidade para conversar com os setores acadêmicos e industriais, aprender e evoluir na discussão desses temas complexos que a sustentabilidade engloba. Isso envolve o ciclo de vida de muitos produtos e a dificuldade de lidar com as questões da água, das emissões de gases de efeito estufa e dos insumos", diz Glaura Goulart.


"Dessa forma, estamos muito animados e interessados no trabalho que acontecerá no SciBioSus!", complementa a coordenadora do CTNano.


Mais sobre o SciBioSus


O 2º SciBioSus será um evento dinâmico, com sessões simultâneas nas diferentes áreas do congresso, e trará muitas oportunidades de debates, aprendizados, networking e troca de experiências.


O congresso será realizado no Centro de Atividades Didáticas 3, o CAD 3, dentro do campus Pampulha da UFMG.


A COP27 foi uma ocasião importante para discutir a gravidade do desafio climático global. Dando continuidade a essa discussão, e também apoiado pela ciência, o SciBioSus será uma oportunidade de reunir cientistas, estudantes e o público em geral para ouvir experiências, propostas e questionamentos marcantes relacionados à intercorrelação entre ciência, biodiversidade e sustentabilidade diante das atuais mudanças climáticas.


A reflexão sobre a biodiversidade tem o objetivo de discutir a proteção, valorização e restauração dos ecossistemas naturais, mostrando suas fragilidades diante das mudanças climáticas, bem como o efeito de tais mudanças nos povos indígenas e comunidades tradicionais. Também discutiremos soluções para proteger, restaurar e mostrar o valor da biodiversidade e, ao mesmo tempo, abordar os impactos das mudanças climáticas.


2º SciBioSus


O quê? II Congresso Internacional em Ciência, Biodiversidade e Sustentabilidade

Quando? 4 a 7 de junho

Onde? CAD 3, UFMG

Site oficial? Clique aqui

Como me inscrever? Clique aqui

56 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page