top of page
Buscar
  • Foto do escritorComunicação BH-TEC

Hub de Inovação, congresso, novo prédio e mais: Confira o que rolou em 2023 no BH-TEC

Atualizado: 28 de dez. de 2023

Em em uma das primeiras publicações de 2023, escrevemos que este seria o ano do BH-TEC. Com o perdão da figura de linguagem, os últimos meses ficarão marcados na história do Parque Tecnológico: entre tantos marcos, a realização do primeiro congresso e maior evento da própria história, o anúncio da primeira expansão desde a inauguração e a consolidação como protagonista no ecossistema nacional de ciência, inovação e sustentabilidade - com a devida mobilização de jovens.


Com a atração de quatro centros de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) de multinacionais - além de mais seis empresas pelo programa Parque Aberto -, o prédio institucional atingiu 100% da capacidade máxima. Além disso, foram mais de 70 visitas técnicas com escolas, universidades, empresas, consulados e potenciais parceiros.


Confira a retrospectiva 2023 do BH-TEC!


Hub Multifuncional de Inovação


Logo no início do ano, em março, o Hub Multifuncional de Inovação do BH-TEC foi inaugurado. O evento contou com a presença da reitora da UFMG, Sandra Goulart; do prefeito de Belo Horizonte, Fuad Noman; do presidente da Fapemig (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais), Paulo Sérgio Beirão; do presidente da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Tadeu Martins Leite; do presidente da Câmara Municipal de Belo Horizonte, Gabriel Azevedo, entre outras autoridades.

"A proposta foi, e é, criar um espaço dentro o BH-TEC onde todas as atividades de desenvolvimento do empreendedorismo de base científico-tecnológica possam existir. Aqui temos espaços para incubação, coworking, aceleração, pós-aceleração, softlanding, consultorias e um Fablab [oficina de fabricação digital]", afirmou, à época, o CEO do BH-TEC, Marco Crocco.


Confira mais aqui.


Conexões BH-TEC

Como primeira entrega do Hub de Inovação, o primeiro programa de pós-aceleração de Minas Gerais: o Conexões BH-TEC. Lançado oficialmente em abril, o programa selecionou 10 startups de todo o país para somar 350 horas de trabalho em seis meses de duração.


"O Conexões tem um significado muito importante não só pela construção que isso significa para o BH-TEC, como também pelo o que a gente acrescenta para o ecossistema de inovação de Minas Gerais", reforçou o CEO do BH-TEC, Marco Crocco, durante a fala no encerramento do programa, em novembro.


"Estamos com discussões super ricas de como a gente quer seguir daqui pra frente, quais são as perspectivas do programa para os próximos semestres, como a gente vai escalar para cada vez mais empresas", pontuou a Head de Inovação do BH-TEC e coordenadora do programa, Ana Canhestro, já projetando as próximas edições.


Confira mais aqui e aqui.


Visitas

Ao longo de todo o ano, o BH-TEC movimentou o ecossistema de inovação e sustentabilidade - e reforçou o papel de protagonismo. Em março, a ministra de Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos, visitou a estrutura do Parque Tecnológico de Belo Horizonte e de centros de tecnologia.

Em julho, foi a vez da ministra da Saúde, Nísia Teixeira, reforçar a importância do BH-TEC e das empresas residentes. Um mês depois, o presidente da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), Celso Pansera, veio pessoalmente ao Parque Tecnológico de BH - e fez um anúncio histórico (veja abaixo).

O BH-TEC ainda recebeu a reitora da UFMG, Sandra Goulart; a presidente da Comissão de Educação, Ciência e Tecnologia da Assembleia Legislativa de Minas Gerais, Beatriz Cerqueira; o presidente da Fapemig, Paulo Beirão, entre tantas outras autoridades de todos os poderes e esferas.


Novo prédio


O ano de 2023 marcou o anúncio histórico: o BH-TEC vai ter a primeira expansão desde a inauguração, em 2012. O presidente da Finep, Celso Pansera, fez o anúncio pessoalmente em agosto: R$ 15 milhões para o Parque Tecnológico construir um prédio totalmente voltado para sustentabilidade.


Veja os detalhes aqui.


Primeiro congresso - e maior evento

O ano dos marcos acumulou mais uma ação inédita: a realização do primeiro congresso - que ainda se consolidou como o maior evento da história do BH-TEC. Este foi o I Congresso de Inovação e Sustentabilidade, o CIS 2023, que reuniu especialistas de todo o Brasil sobre o tema e centenas de participantes durante dois dias.


Confira mais aqui.


Jovens como prioridade

Desde o início do ano, o BH-TEC deu a devida importância às crianças e aos adolescentes: prioridade.


Como primeiro evento de 2023, o Hoje é Dia de Parque, voltado para receber os pequenos e as famílias, sempre reforçando as portas abertas do BH-TEC para a sociedade e atrações estratégicas para ressaltar ciência, tecnologia, inovação e sustentabilidade.

O ano também marcou a estreia da Jornada Científica de Inovação Sustentável, programa que acompanha jovens do Ensino Médio durante o ano todo com ações na UFMG e no próprio BH-TEC. A primeira edição teve como tema a meta 6 dos ODS (Objetivos de Desenvolvimento Sustentável) da ONU: a água.

Também foi realizado o primeiro evento totalmente voltado para crianças e adolescentes das escolas públicas e privadas de BH e região: o EcoParque. A atração ainda marcou o encerramento da primeira edição da Jornada Científica.


TCC Lab


O programa apadrinhado pelo BH-TEC ganhou força em 2023: no início do ano, deixou de ser ofertado apenas para os cursos de engenharia e passou a contemplar toda a UFMG (relembre aqui).


No segundo semestre, aumentou o leque de opções para os alunos e as alunas. "O TCC Lab é um programa que vem ganhando força e crescendo exponencialmente ao longo do tempo, abrangendo diversas áreas do conhecimento", afirmou, à época, a Head de Inovação do BH-TEC, Ana Canhestro.


Veja mais aqui.


LabMIn e Outlab


Em abril, o Laboratório de Metodologias de Inovação, o LabMIn, foi lançado oficialmente. O projeto coordenado pelo BH-TEC recebeu líderes de todos os parceiros no evento:


  • Núcleo de Tecnologia da Qualidade e da Inovação (NTQI) da UFMG, coordenado pelo pesquisador Raoni Bagno

  • Centro Tecnológico de Desenvolvimento Regional de Viçosa (CenTev) / TecnoPARQ da Universidade Federal de Viçosa, coordenado pela pesquisadora Adriana Faria

  • Coordenação de Transferência e Inovação Tecnológica da UFMG (CTIT), coordenado pela pesquisadora Juliana Crepalde

  • Departamento de Engenharia de Produção, Administração e Economia da Universidade Federal de Ouro Preto, núcleo coordenado pelo professor André Luís Silva

Já o Outlab UFMG teve a gestão da inovação e comunicação do BH-TEC. O programa tem como objetivo levar empreendedorismo e gestão para os laboratórios de pesquisa da Universidade.


Veja mais aqui.


Ator nacional


O ano marcou o BH-TEC como protagonista na cena nacional de inovação e sustentabilidade. Líderes e gestores do Parque estiveram em eventos estratégicos, tais quais Conferência Ethos, Minas Summit, Web Summit Rio, Conferência Anprotec, Diálogos Amazônicos, Virada Cultural de BH, SciBioSus, entre outros.


Sexta no Parque


Realizado em uma sexta-feira, o Sexta no Parque consolidou-se em 2023 como uma das ações estratégicas do BH-TEC. Lançado em 2022, o evento é sempre gratuito, aberto ao público e convida referências nacionais em um tema relevante para a cena de ciência, tecnologia, inovação e sustentabilidade.


Neste ano, o Sexta no Parque recebeu lançamentos oficiais do LabMIn e do Conexões BH-TEC, reuniu gigantes para falar de inovação, trouxe, em primeira mão no Brasil, uma plataforma voltada para a sustentabilidade e até recebeu Batalhas de Robôs para reforçar aos jovens as possibilidades de futuro que ciência, tecnologia e inovação proporcionam.

77 visualizações0 comentário
bottom of page