top of page
Buscar
  • Foto do escritorComunicação BH-TEC

#VitrineBH-TEC: As tecnologias e a sustentabilidade pertinho de você!


Vitrine BH-TEC encanta visitantes | Amanda Dias/BH-TEC

Pelo segundo ano consecutivo, a Vitrine BH-TEC proporcionou a aproximação entre a sociedade e o Parque Tecnológico de BH e seus residentes. A mostra de tecnologias desenvolvidas por centros e empresas sediados no BH-TEC, mais uma vez, encantou os centenas de participantes do evento.


Empresários, empreendedores, pesquisadores, estudantes e autoridades ficaram impressionados ao conhecer um pouco de 13 empresas e centros que levaram mostras de desenvolvimentos ao Hall do BH-TEC.

Confira o que parte das empresas exibiram para o público:


BIOSFERA

Stand Biosfera na Vitrine BH-TEC 2023 | Amanda Dias/BH-TEC

“Mostramos como, a partir dos resíduos - tanto da mineração, quanto da siderurgia -, a gente consegue fazer corretivos fertilizantes, desenvolver artefatos, blocos para pavimentação. Ou seja, aquilo que para muitos não vale a pena estar em aterros, estar em barragens ou estar disposto em pilhas, para a gente é insumo valioso, é ferramenta de trabalho. Sem isso, a gente não consegue desenvolver inovação”, explica Érica Campelo, gerente de Comunicação da Biosfera.


CUBOPLACE

Stand CuboPlace na Vitrine BH-TEC 2023 | Amanda Dias/BH-TEC

“A gente fala muito de inovação e tecnologia: a nossa plataforma de marketplace busca justamente potencializar isso. Trazer, juntamente com o suporte da inteligência artificial, uma forma de as empresas que têm demanda de tecnologia consigam encontrar o fornecedor adequado para aquela sua necessidade. A gente mostrou como isso funciona", conta Welington Monteiro, CEO do CuboPlace.


FABNS

Equipe FabNS na Vitrine BH-TEC 2023 | Reprodução/FabNS

"Usamos o extrator de sondas para conseguir acoplar nanoantena na nossa sonda - e ele funciona como um consumível do nosso equipamento, que é o Nanoscópio Porto. Então, ele é que faz a gente conseguir atingir essas resoluções nanométricas - tem muito valor agregado e as nossas principais patentes estão nessas sondas”, conta Taiguara Tupinambás, CCO da FabNS.

18 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page