top of page
Buscar
  • Foto do escritorComunicação BH-TEC

BH-TEC é destaque em conferência estadual de ciência, tecnologia e inovação

CEO do BH-TEC, Marco Crocco, fala durante painel sobre modernização e ampliação da infraestrutura de ciência, tecnologia e inovação em Minas
CEO do BH-TEC, Marco Crocco, fala durante painel sobre modernização e ampliação da infraestrutura de ciência, tecnologia e inovação em Minas | Reprodução/Fapemig/YouTube

Com uma programação robusta de dois dias, que incluiu painéis temáticos e grupos de trabalho com referências de todo o estado, a 5ª Conferência Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação (CT&I) de Minas Gerais teve, entre os destaques, o BH-TEC.


O CEO do Parque Tecnológico de Belo Horizonte, Marco Crocco, foi um dos palestrantes de um painel sobre a modernização e ampliação da infraestrutura de ciência, tecnologia e inovação em Minas, além de coordenar o grupo de trabalho "Industrialização e apoio à inovação nas empresas".


"Fizemos um importante debate sobre os gargalos e as oportunidades que existem para o desenvolvimento de parques tecnológicos dentro de uma política de ciência, inovação e tecnologia do estado de Minas Gerais", afirma Crocco, antes de complementar:


"Entendendo que os parques tecnológicos são um elemento fundamental na conexão entre o conhecimento gerado dentro das universidades e o processo produtivo e a estrutura produtiva como um todo".


Crocco fala durante a 5ª Conferência Estadual de Ciência, Tecnologia e Inovação
Crocco foi um dos destaques da conferência estadual | Mariana Aroni/Sede MG

No painel, participaram ao lado de Crocco a presidente da Anprotec (Associação Nacional de Entidades Promotoras de Empreendimentos Inovadores), Adriana Faria; o coordenador da Câmara de Avaliação de Projetos nas Áreas de Engenharias e Arquitetura da Fapemig, Luciano Leonel Mendes; e o superintendente de Pesquisa e Tecnologia do Estado de Minas Gerais, Lucas Mendes.



"Uma política consistente e perene de apoio a parques tecnológicos se faz necessária para que a gente possa ter esse instrumento desenvolvendo o seu papel de ser uma instituição ponte entre o conhecimento gerado na universidade e o setor produtivo", reforça o CEO do BH-TEC.


Rede Lide: Laboratório de Inteligência em Divulgação Especializada


A gerente de Desenvolvimento Institucional do BH-TEC, Cristina Guimarães, também foi um dos destaques da conferência, realizada na sede da Fapemig, entre os dias 4 e 5.


"Tive a oportunidade de apresentar, no contexto da comunicação científica, o mais novo projeto do BH-TEC: a Rede Lide (Laboratório de Inteligência em Divulgação Especializada) em CT&I", resume a gestora.


Cristina Guimarães apresenta na conferência estadual de ciência, tecnologia e inovação
Cris Guimarães apresenta o mais novo projeto do BH-TEC: a Rede Lide | Reprodução/Fapemig/YouTube

Em parceria com a Biominas, Fiocuz Minas, UFMG e tecnoParq, o Parque compõe esta rede que aposta na comunicação conjunta para promoção da divulgação científica no Estado de Minas Gerais, por meio do trabalho em parceria com o uso compartilhado de inteligências, experiências e infraestruturas.


Cristina Guimarães durante conferência estadual
Cristina Guimarães é a gerente de Desenvolvimento Institucional do BH-TEC | Camila Rocha/Fapemig

"Este projeto inovador foi apresentado como uma boa prática para a disseminação e o impacto da CT&I na sociedade e para mobilizar pessoas, sendo capaz de construir relacionamentos com público de interesse, posicionar estrategicamente (ICTs e projetos) e atrair investimentos", complementa Cristina Guimarães, antes de finalizar:



"Durante a conferência, identificamos outras iniciativas que podem ser trabalhadas em parceria com a Rede Lide em CT&I".


Painel sobre comunicação durante conferência estadual
Painel sobre Comunicação científica e a popularização do conhecimento | Camila Rocha/Fapemig

O evento estadual é preparatório para a 5ª Conferência Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (5ª CNCTI), que será realizada nos dias 4, 5 e 6 de junho de 2024, em Brasília, Distrito Federal.


Conferência estadual


Os painéis temáticos debateram assuntos como os avanços e os desafios da ciência; a comunicação científica e a popularização do conhecimento; a modernização e a ampliação da infraestrutura de CT&I em Minas Gerais; o papel da Ciência, Tecnologia e Inovação na atração e retenção de talentos; e o fortalecimento do setor produtivo por meio dessas áreas.


Os resultados dos debates serão compilados em relatórios técnicos e enviados para o Governo Federal com o objetivo de compor as pautas que serão discutidas na conferência nacional acerca do assunto.


Também parte da programação da Conferência, os grupos de trabalho reuniram profissionais, acadêmicos, pesquisadores e representantes do setor produtivo para debaterem e proporem sugestões abordando temáticas como: a consolidação do Sistema Nacional de CT&I junto aos desafios regionais; a ciência, a tecnologia e a inovação para programas e projetos estratégicos nacionais; a industrialização e o apoio à inovação nas empresas; e a atuação das áreas de CT&I para o desenvolvimento social.


Com Agência Minas



37 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page