top of page
Buscar
  • Foto do escritorVirgínia Muniz

BH-TEC vai construir novo prédio após anúncio de investimento do governo federal


Fachada do prédio do BH-TEC em imagem aérea
BH-TEC terá nova estrutura voltada para sustentabilidade | Ayron Borsari/BH-TEC

O BH-TEC já projeta a construção de um novo prédio após o anúncio realizado hoje (29) pela ministra da Ciência, Tecnologia e Inovação, Luciana Santos, e pelo presidente da Finep (Financiadora de Estudos e Projetos), Celso Pansera. As autoridades federais oficializaram R$ 240 milhões para 19 parques tecnológicos, sendo R$ 14,95 milhões para o Parque Tecnológico de Belo Horizonte.


“Agradeço todo o esforço do nosso sistema e daqueles que trouxeram as demandas da existência dos parques tecnológicos e apresentaram de maneira consistente, a ponto de ter a decisão dos técnicos da Finep de financiar esse importante vetor do sistema nacional de tecnologia que são os parques tecnológicos”, gratificou a ministra, durante transmissão ao vivo pela internet.


“Chegamos em um patamar de recursos disponíveis na Finep como nunca tivemos anteriormente. Estamos falando de R$ 10 bilhões disponíveis para colocar na ciência e inovação brasileira - e a Finep localizou mais de 1,1 bilhão de projetos de 2021 e 2022, com boa qualidade, que mereciam receber recursos”, reforçou Celso Pansera.


'Importância significativa'


O CEO do BH-TEC, Marco Crocco, reforçou a importância do anúncio, que contempla "várias dimensões". "Em primeiro lugar, é um reconhecimento do papel que um parque tecnológico tem para o desenvolvimento da sociedade, para o desenvolvimento da economia local, para o desenvolvimento do ecossistema de inovação", afirma.

Marco Crocco posa em frente a letreiro do BH-TEC
CEO do BH-TEC, Marco Crocco enaltece importância do anúncio | Isis Medeiros/BH-TEC

"Em segundo lugar, a nossa proposta aprovada mostra também o reconhecimento do trabalho que vem sendo feito no BH-TEC e da importância que ele tem para o ecossistema de inovação local e para a economia local. A gente vem recentemente de um período de várias realizações, entre elas o Congresso de Inovação e Sustentabilidade, o CIS 2023, que acabou de ocorrer, e várias outras interações com setor produtivo local", enumera.


Novo prédio à vista


O BH-TEC, hoje, possui 100% da estrutura ocupada por empresas e centros de tecnologia residentes - e a verba anunciada será usada para a construção de um novo prédio. "Vai possibilitar a gente ampliar ainda mais a nossa interação com a sociedade, a nossa interação com a universidade e entregar para economia local desenvolvimento de qualidade, emprego de qualidade, investimento e inovação", vibra Crocco.

Fachada do prédio central do BH-TEC em segundo plano com uma planta em primeiro plano
Novo prédio consolida o BH-TEC como ator da inovação e sustentabilidade | Amanda Dias/BH-TEC

O CEO do BH-TEC também anuncia que o novo prédio será voltado para a sustentabilidade, o que coloca o Parque como "ator relevante e atuante em uma das grandes questões da humanidade hoje, que é a mudança climática".


"O prédio novo será um espaço onde o Centro de Inteligência em Sustentabilidade será instalado, teremos lugares para laboratórios de P&D, empresas, startups - todas voltadas para sustentabilidade -, como também laboratório de prestação de serviços na área de sustentabilidade para a sociedade, para o setor produtivo", finaliza Marco Crocco.

360 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page